Um contributo português para a representação cartográfica da fronteira luso-espanhola: a acção do engenheiro militar Vasconcelos e Sá

Maria Helena Dias

Resumen


Resumo: Alexandre José Botelho de Vasconcelos e Sá (1805-1871), oficial português de engenharia, dedicou parte substancial da sua actividade profissional à representação cartográfica da fronteira luso-espanhola. Após um notável reconhecimento de Trás-os-Montes (1840), levantou, a pedido do governo francês e com grande pormenor, o terreno onde decorrera em 1811 a batalha de Fuentes de Oñoro (1845-1846) e, depois, foi chamado a presidir à segunda Secção Portuguesa da Comissão Mista (1858-1863) encarregada da preparação do Tratado de Limites (1864), cujos trabalhos técnicos concluiu. Mas distinguiu-se ainda por outros trabalhos efectuados em Portugal, alguns dos quais nas obras públicas.

Palavras-chave: Cartografia, fronteira, Portugal, Espanha.

Abstract: The Portuguese engineering officer Alexandre José Botelho de Vasconcelos e Sá (1805-1871) devoted a significant part of his professional life to the cartographical representation of the Portuguese-Spanish border. Having conducted remarkable reconnaissance of Trás-os-Montes (1840), he then, at the request of the French government, surveyed the theatre of the Battle of Fuentes de Oñoro of 1811 in detail (1845-1846). Next he was called to preside over the second Portuguese Section of the Joint Commission (1858-1863), which was responsible for preparing the Treaty of Limits (1864), concluding the technical work. But he is also known for his other projects in Portugal, including his civil engineering.

Key words: Cartography, frontier, Portugal, Spain.


Texto completo:

PDF


Revista de Historiografía editada por el Instituto de Historiografía Julio Caro Baroja. Universidad Carlos III de Madrid

EISSN: 2445-0057

www.uc3m.es/revhisto